Sobre o Cistermúsica

Um clássico para todos

"Da ibériA aos novos tempos"

Em 2021 o Cistermúsica continuará a explorar a simbiose entre a música e a envolvente monumental única do Mosteiro de Alcobaça, bem como a consolidar a projeção do Festival no espaço ibérico, não só mantendo uma programação protagonizada por alguns dos mais importantes artistas e grupos nacionais, mas também através do reagendamento dos concertos de agrupamentos espanhois previstos para a edição de 2020 que, devido ao contexto de pandemia, não foram realizados.

A componente temática da programação continuará a evocar os 500 anos da Circum-navegação, mas pretende também assinalar as efemérides mais relevantes do ano, como os 100 anos de Astor Piazzolla, os 100 anos da morte de Camille Saint-Saëns, os 50 anos da morte de Stravinsky, os 500 anos da morte de Josquin Des Prez, os 100 anos do Nascimento de Ariel Ramirez e ainda os 200 anos do Nascimento de Bottesini.

Além da programação principal versar a ópera, a música sinfónica, coral e de câmara, bem como os recitais, o Festival continuará a reforçar a vertente de programação que cruza a música clássica com outras linguagens artísticas, como a dança, para além de promover concertos de outros géneros musicais, experiências performativas e outras atividades complementares.

Estão previstas cerca de quatro dezenas de espetáculos numa janela temporal entre junho e agosto.

André Cunha Leal e Rui Morais
Direção Artística

A história do festival

Sob o lema “Um clássico para todos” o Cistermúsica apresenta, há cerca de 3 décadas, uma programação de referência, acolhendo os mais reconhecidos artistas e agrupamentos de música erudita, em alguns dos mais emblemáticos locais do nosso património histórico.

O Cistermúsica ambiciona ser, para além do Festival de Música de Alcobaça, o promotor de uma rede nacional de programação, apresentando concertos e outras experiências artísticas inesquecíveis ao longo do ano, contribuindo desta forma para o desenvolvimento cultural e turístico do país.

Tendo como palco privilegiado o Mosteiro de Alcobaça, património UNESCO e obra-prima da arte gótica cisterciense, o Cistermúsica tem sido pioneiro na promoção de sinergias patrimoniais e culturais, com destaque para a “Rota de Cister” que leva a cultura ao património de norte a sul do país.

O Cistermúsica vive ainda para os mais novos, que encontram na secção “Júnior e Famílias” uma oferta diversificada, potenciando a formação de novos públicos, sensibilizando-os para o estudo, fruição e valorização das artes. A programação “Outros Mundos”, que privilegia o cruzamento da música com outras expressões artísticas (dança, videomapping, fotografia, etc.), apresenta também propostas culturais direcionadas a um público mais abrangente, levando aos palcos espetáculos de jazz, de fado e das músicas do mundo, entre outros géneros musicais.

Nascido em 1992 por iniciativa do Município de Alcobaça, o Cistermúsica é organizado, desde 2002, pela Banda de Alcobaça, tendo o apoio institucional do mesmo Município e da Direção-Geral das Artes.

Edições anteriores

1992
1993
1994
1995
1996
1997
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014
2015
2016
2017
2018
2019
2020

Organização e Produção

Organização

Produção

Subscreva a newsletter do Cistermúsica